Notícias

Artigo Sínodo Escolápio - Guilherme Oliveira e Pe. Alex Sousa

A Igreja e a Escola Pia nos convocam a pensar na estrutura que queremos criar enquanto juventude. Num primeiro trabalho, em cada presença, identificamos as potencialidades e desafios presentes no trabalho atual com os jovens. Foi a partir desse trabalho, que compilamos as reflexões, traçando pontos comuns e diferentes em cada realidade juvenil. Apresentamos o itinerário proposto para o Sínodo Escolápio, em que priorizamos a escuta e as reflexões trazidas pelos próprios jovens, desde o Movimento Calasanz, itinerário de fé, como podemos propor uma caminhada a outros jovens que não estão inseridos em realidades de grupos juvenis constituídos em nossas obras. Dando continuidade ao trabalho realizado na demarcação, reuniram-se todas as presenças escolápias no continente americano com o intuito de avançar nessas reflexões num encontro do Sínodo Escolápio da Juventude – etapa de circunscrição de América na cidade de Oaxaca - México.

Estiveram presentes nesse encontro: Brasil-Bolívia, Argentina, Chile, Nazareth, Centro América e Caribe, México, Califórnias e Estados Unidos-Porto Rico. Cada uma das demarcações apresentou o trabalho de reflexão proposto pelo Sínodo Demarcacional, junto aos trabalhos já realizados com a Juventude.

Também os jovens participantes apresentaram seus testemunhos de vida, a partir da chamada vocacional, compartilhando com todas suas experiências de fé e de descoberta ao longo da caminhada pessoal de cada um. Aprofundamos também nossas reflexões sobre o Instrumentum laboris: o documento preparado desde a comissão Sinodal do Vaticano para uma reflexão prévia de toda a Igreja, acerca das principais questões que surgem dos próprios jovens e que serão discutidas no encontro do Sínodo dos bispos no mês de outubro.

Realizamos uma bonita experiência junto à Escuela de Verano Calasanz em Oaxaca, que mantêm os Escolápios do México. Uma oportunidade de contato inicial muito forte com o verbos VER – PENSAR – ATUAR, dentro do itinerário Sinodal que nos propõe o Padre Geral junto a Comissão preparatória do Sínodo. Ainda fizemos um apanhado das principais chaves e pontos comuns desse itinerário nas demarcações do continente, além de trabalhar um pouco sobre o que propõe o documento sinodal de forma específica ao nosso continente americano. Realidades e desafios da caminhada com jovens, próprios de nossas sociedades e movimentos da Igreja na América. 

Durante todo o encontro, desfrutamos também de momentos de convivência, troca de experiências entre os participantes, intercâmbio, conhecendo também um pouco da cultura do país anfitrião e dos demais países presentes. 

Enfim, o Sínodo Escolápio da Juventude e, de forma específica, essa etapa continental nos proporcionou uma experiência única e muito enriquecedora, através do contato com outros jovens que compartilham do mesmo espírito escolápio, que é muito rico, não tem fronteiras e não faz distinção de culturas e línguas. Retornamos a nossa demarcação com um sentimento de profundo agradecimento a Deus por sua manifestação por meio de nossa Juventude, também por fazermos parte dessa missão de crescer, dar e compartilhar, sendo luz e sal na vida de tantas pessoas, melhorando a qualidade de vida e serviço ao reino.

#Contigo+ #PuraVida #PiaristSynod

Guilherme Oliveira e Padre Alex Sousa.

Escolápios Brasil
Rua Armindo Batista Pereira, 13 - Fernão Dias
Belo Horizonte/MG - Brasil - CEP: 31910-400
secretariaprovincial@escolapios.org.br
55 (31) 3317-7426

Siga-nos nas redes sociais

Pesquisar